Moro volta a ser homenageado em protestos contra PT e "corrupção"

14/03/2016

O juiz federal Sergio Moro voltou a ser louvado por manifestantes que pedem a queda da presidente Dilma Rousseff e a prisão do antecessor dela, Luiz Inácio Lula da Silva. Neste domingo (13/3), moradores de diversas cidades brasileiras, principalmente das capitais, demonstraram seu apoio ao juiz da 13ª Vara Criminal Federal de Curitiba responsável pela operação “lava jato”, que investiga esquemas de corrupção na Petrobras.

Nas faixas, frases de apoio ao trabalho dele (“Somos Sergio Moro”), pedidos (“Sergio Moro prenda ‘o cara’, ‘a jararaca’ e o ‘dr. honoris roubus’”) e sonhos (“Moro para presidente”). Algumas pessoas usaram máscaras com o rosto do juiz federal. Em Recife, surgiu até um boneco gigante dele, que também fez sucesso no Carnaval da capital pernambucana.

No Rio de Janeiro, celebridades como Suzana Vieira, Marcelo Serrado, Dani Suzuki, Juliana Paes e Márcio Garcia foram ao ato vestindo uma camiseta amarela com a imagem do juiz e a hashtag #morobloco.

Em nota, Sergio Moro afirmou ter ficado “tocado” pelo apoio às investigações da “lava jato” e destacou a importância da Polícia Federal e do Ministério Público Federal na operação. O juiz ainda lembrou os males que a corrupção causa.

“Importante que as autoridades eleitas e os partidos ouçam a voz das ruas e igualmente se comprometam com o combate à corrupção, reforçando nossas instituições e cortando, sem exceção, na própria carne, pois atualmente trata-se de iniciativa quase que exclusiva das instâncias de controle. Não há futuro com a corrupção sistêmica que destrói nossa democracia, nosso bem estar econômico e nossa dignidade como país”, disse.  

Aliás, não faltaram manifestações de apoio também ao MP e à PF. Houve abaixo-assinado para a autonomia dos policiais e inúmeros sósias do agente Newton Ishii, o “japonês da federal”. Também compareceram aos atos defensores da volta da monarquia e da ditadura militar.

Fonte: Conjur