Previdência: Publicados os valores do salário família e da nova tabela do INSS para 2020

14/01/2020

A Portaria SEPRT nº 914 de 2020 reajusta os valores do salário família e do teto máximo do salário de contribuição da Previdência Social a partir de 1º de janeiro de 2020.

Salário família a partir de 1º de janeiro de 2020

REMUNERAÇÃO

COTA

Até R$ 1.425,56

R$ 48,62

Acima de R$ 1.425,56

Não tem direito

Tabela de Salário de contribuição da Previdência Social – Empregado, empregado doméstico e trabalhador avulso

COMPETÊNCIAS JANEIRO DE 2020 A FEVEREIRO DE 2020

 

SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO

ALÍQUOTA PARA FINS DE RECOLHIMENTO AO INSS

Até R$ 1.830,29

 

8%

De R$ 1.830,30 até R$ 3.050,52

 

9%

De R$ 3.050,53 até R$ 6.101,06

 

11 %

A PARTIR DA COMPETÊNCIA MARÇO DE 2020

 

SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO

ALÍQUOTA PARA FINS DE RECOLHIMENTO AO INSS

Até R$ 1.039,00

 

7,5%

De R$ 1.039,01 até R$ 2.089,60

 

9%

De R$ 2.089,61 até R$ 3.134,40

 

12 %

De R$ 3.134,41 até R$ 6.101,06

 

14%

As novas alíquotas, vigentes a partir da competência março de 2020, serão aplicadas de forma progressiva sobre o salário de contribuição do segurado, incidindo cada alíquota sobre a faixa de valores compreendida nos respectivos limites, e não sobre a remuneração total do empregado como a regra atual.

A Portaria SEPRT nº 914, de 13/01/2020 foi publicada no DOU em 14/01/2020.

EXEMPLOS DE CÁLCULO COM AS NOVAS ALÍQUOTAS – APLICAÇÃO A PARTIR DA COMPETÊNCIA MARÇO DE 2020

EXEMPLO 1

Empregado com remuneração mensal de R$ 3.700,00

SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO INSS

ALÍQUOTA DE CONTRIBUIÇÃO

SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO DO EMPREGADO

VALOR DA CONTRIBUIÇÃO DO EMPREGADO

Até R$ 1.039,00

 

7,5%

R$ 1.039,00

 

R$ 77,92

De R$ 1.039,01 até R$ 2.089,60

 

 

9%

R$ 1.050,60 (R$ 2.089,60 – R$ 1.039,00)

 

 

 

R$ 94,55

De R$ 2.089,61 até R$ 3.134,40

 

 

12%

 

 

R$ 1.044,80 (R$ 3.134,40 – R$ 2.089,60)

 

 

 

R$ 125,38

De R$ 3.134,41 até R$ 6.101,06

 

 

14%

R$ 565,60 (R$ 3.700,00 – R$ 3.134,40)

 

 

 

R$ 79,18

VALOR TOTAL DA CONTRIBUIÇÃO DESCONTADA DO EMPREGADO

R$ 377,03

EXEMPLO 2

Empregado com remuneração mensal de R$ 13.000,00

SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO INSS

ALÍQUOTA DE CONTRIBUIÇÃO

SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO DO EMPREGADO

VALOR DA CONTRIBUIÇÃO DO EMPREGADO

Até R$ 1.039,00

 

7,5%

R$ 1.039,00

 

R$ 77,92

De R$ 1.039,01 até R$ 2.089,60

 

 

9%

R$ 1.050,60 (R$ 2.089,60 – R$ 1.039,00)

 

 

 

R$ 94,55

De R$ 2.089,61 até R$ 3.134,40

 

 

12%

 

 

R$ 1.044,80 (R$ 3.134,40 – R$ 2.089,60)

 

 

 

R$ 125,38

De R$ 3.134,41 até R$ 6.101,06

 

 

14%

R$ 2.966,66 (R$ 6.101,06 – R$ 3.134,40)

 

 

 

R$ 415,33

VALOR TOTAL DA CONTRIBUIÇÃO DESCONTADA DO EMPREGADO

R$ 713,18

Fonte: LegisWeb