Secretaria de Comércio e Serviços e Receita realizam apresentação do projeto da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica

04/05/2017

Nota eletrônica traz melhorias ao ambiente de negócios por meio da racionalização e padronização das obrigações acessórias

Brasília (19 de abril) -  A Secretaria de Comércio e Serviços (SCS) do MDIC e a Receita Federal realizaram na terça-feira (18) uma apresentação do Projeto da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e) a entidades nacionais representativas do setor de comércio e serviços.

O projeto, em desenvolvimento pela Receita, visa implementar uma solução nacional unificada para emissão de notas fiscais e terá a NBS (Nomenclatura Brasileira de Serviços, Intangíveis e outras operações que produzam variações no patrimônio) como classificador padrão para a descrição de serviços.

Conforme foi apresentado na reunião dessa terça, um dos objetivos do projeto da NFS-e é trazer melhorias ao ambiente de negócios por meio da racionalização e padronização das obrigações acessórias e disponibilização de um repositório nacional.

Para o secretário de Comércio e Serviços, Marcelo Maia, é fundamental a participação do setor produtivo no desenvolvimento da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica. 

O projeto piloto deverá ser lançado em dezembro deste ano no Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Brasília (DF), Porto Alegre (RS), Maringa (PR) e Marabá (PA).

Fonte: mdic.gov.br